Luciana fala sobre pré-candidatura de Lula à Presidência da República

Luciana fala sobre pré-candidatura de Lula à Presidência da República

Na quarta-feira (8) a deputada Luciana Santos falou ao programa Cidade em Foco, da Rádio Farol FM de Pernambuco sobre o lançamento da pré-candidatura do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva à Presidência da República.

De acordo com a deputada a iniciativa merece apoio e solidariedade, em virtude do legado dos seus governos para o Brasil e da sistemática campanha para tentar deslegitimar o símbolo do que foi um programa popular e progressista para o Brasil, com o pretexto falso do combate à corrupção. “O ex-presidente Lula construiu um grande legado. É irrefutável os ganhos, conquistas e vitórias para o povo brasileiro que nós obtivemos nesse período, seja em termos de ampliação das universidades, são 18 novas Universidades Federais, mais de 300 novas escolas técnicas, seja porque conseguiu retirar da pobreza mais de 40 milhões de brasileiros, entre outras questões relevantes. Tudo isso é irrefutável, não há dúvidas de que há um grande legado”, comentou.

“O que considero nesse momento de lançamento da sua pré-candidatura é que precisamos manifestar apoio e ter toda solidariedade, sobretudo por conta dessa caçada ao presidente Lula comandada por setores da mídia e pela direita brasileira. Com o pretexto de combate a corrupção querem enterrar um símbolo de um programa popular e progressista para o Brasil como fizeram em outro tempo com Getúlio Vargas e com João Goulart. Todo um discurso e o pretexto de combate a corrupção, mas que na verdade era para interromper um projeto nacional e popular”, salientou a deputada.

Luciana, que é presidenta nacional do PCdoB, ressaltou, no entanto, que a exemplo de outros partidos no campo da esquerda, seu partido tem intenção de lançar candidatura própria à presidência da República. A deputada classificou essas iniciativas como saudáveis ao debate sobre os rumos do país e acredita que contribuirão para se chegar a um entendimento sobre um caminho de consenso para a retomada de um projeto popular e progressista para o país nas eleições de 2018.

“Mas é importante salientar que mesmo considerando todas essas variáveis o PCdoB está discutindo a possibilidade de lançar candidatura própria à Presidência da República. Nós estamos construindo esse caminho a exemplo de Ciro Gomes, que também é candidato. Desse modo são bem-vindas todas as candidaturas do nosso campo progressista e da esquerda; movimentos que precisam ser considerados para o ano que vem, já que ainda estamos há mais de um ano das eleições, no sentido de chegar a um entendimento e apontar um caminho de consenso”, explicou.

O lançamento da pré-candidatura de Lula está marcado para acontecer no próximo dia 20 de março na sede do PT, em São Paulo. Além de dirigentes de partidos aliados, artistas e intelectuais, como o músico Chico Buarque e o Teólogo Leonardo Boff são esperados no evento.

De Brasília;
Ana Cristina Santos

Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Escute a entrevista completa: https://soundcloud.com/deputadaluciana/luciana-fala-sobre-o-8-de-marco-reforma-da-previdencia-e-pre-candidatura-de-lula