Luciana participa de comemoração do Dia da Consciência Negra em Pernambuco

Luciana participa de comemoração do Dia da Consciência Negra em Pernambuco

Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, celebrado no último dia 20 de novembro, o governador Paulo Câmara entregou, na tarde desta segunda-feira (21.11), no Palácio do Campo das Princesas, a Medalha Solano Trindade a cinco personalidades do Estado que se destacaram com ações em favor da afirmação da identidade negra. Durante o ato, o chefe do Executivo estadual também assinou um decreto que ajudará o Governo de Pernambuco a desenvolver ações voltadas para a população negra.

O decreto institui a inclusão do quesito raça ou cor nos sistemas de informação, avaliação, monitoramento, coleta de dados censos, ações e programas no âmbito de Administração Pública estadual direta e indireta. A deputada Luciana Santos destacou a importância de medidas que ajudem a construir diagnósticos sobre a população negra. “Não haverá política pública se não tiver diagnóstico sobre as necessidades da população. Esta medida mostra a disposição de desenvolver políticas públicas voltadas ao combate à desigualdade racial e, consequentemente, de inclusão da população negra”.

Luciana ressaltou que em situações adversas como o cenário de crise econômica que perpassa o mundo e, no caso brasileiro, agravado pela crise política, é preciso dedicar um olhar mais atento a dimensão da luta contra a opressão. “Nesses momentos de adversidade vem com muita força o sentimento de intolerância, de conservadorismo exacerbado, que estamos assistindo pelo mundo. Isso exige que tenhamos mais convicção e firmeza ao defender os direitos sociais e a bandeira da igualdade e da justiça”.

A deputada parabenizou os homenageados, disse que se sentia orgulhosa pela luta que desempenham no estado e lembrou que para as mulheres negras a opressão pesa duplamente. As cinco personalidades negras escolhidas pelo Conselho Estadual de Promoção à Igualdade Racial para receberem a Medalha Solano Trindade foram Soni Santos, representada, na ocasião, por Rosimeri Santos; Inaldete Pinheiro; Walfrido José da Silva; Edvaldo Ramos; e a instituição Afoxé Alafin Oyó, representada por Fabiano Santos.

Além da assinatura do decreto, o governador também recebeu o documento elaborado pelas Mulheres Negras por meio de escutas realizadas junto às pastas de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, da Mulher e de Saúde em prol de políticas públicas para o movimento. “Esse documento será analisado e iremos realizar um plano de ação para implementar as medidas ali propostas para focarmos nas mulheres negras”, assegurou Câmara.

De Brasília;
Ana Cristina Santos
Com Ascom/Gov. PE

Foto: Rafael Furtado