Missão oficial estreita relações entre Brasil e Estados Unidos

Missão oficial estreita relações entre Brasil e Estados Unidos
thumbnail_1369251746.jpg

thumbnail_1369251746.jpg

 

resize_1369251746.jpg

Entre os dias 18 e 25 de maio a deputada Luciana Santos estará em missão oficial da Câmara dos Deputados nos Estados Unidos. Entre as atividades programadas estão encontros com o presidente da Casa dos Representantes, John Boehner e atividades de trabalho em conjunto com grupo parlamentar Brasil – Estados Unidos.

Na noite da segunda-feira (20), foi oferecido jantar em homenagem à Delegação na residência do Embaixador do Brasil em Washington, Mauro Vieira.  Estiveram presentes diretores brasileiros do BIRD, FMI e BID.

A terça-feira foi reservada às reuniões  específicas. Primeiro um encontro bilateral com o presidente da Casa dos Representantes dos Estados Unidos, John Boehner. Em seguida um grupo de trabalho com os parlamentares membros da comissão de relações exteriores do parlamento norte-americano.  O turno da noite será reservado para um jantar com o grupo parlamentar de Amizade Brasil – Estados Unidos , o “Brasil Caucus”.

Na manhã da quarta-feira (22), o grupo assiste palestra do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, no “Woodrow Wilson International Center for Scholars”. Da agenda constam, ainda, reuniões específicas e encontros de trabalho.

O grupo é composto, além da deputada Luciana, pelo presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves, pelos deputados Arthur Lira (PP/AL), Nelson Pellegrino (PT/BA), Vieira da Cunha (PDT/RS), pelo embaixador Pedro Borio, pelo chefe da Assessoria Internacional e Cerimonial, Lúcio Reiner; e pela chefe da Assessoria de Comunicação, Sandra Inácio.

Saiba mais:

Os deputados e deputadas federais viajam, em missão oficial, para o cumprimento de deveres inerentes ao mandato que exercem na Câmara dos Deputados. Assim, mesmo que não estejam no plenário ou nas comissões eles não recebem falta.

As viagens ao exterior ocorrem para que Deputadas e Deputados possam desempenhar missões junto a governos estrangeiros e a entidades internacionais, como a Organização dos Estados Americanos e a Organização das Nações Unidas.

Num contexto de intensa globalização e de inserção soberana do nosso País na comunidade internacional, o Parlamento brasileiro não pode deixar de ocupar o seu espaço na projeção e defesa dos interesses nacionais, contribuindo no diálogo e intercâmbio com outras nações; além de ter acesso a novos conceitos, políticas públicas e experiências legislativas úteis ao Brasil.


De Brasília;
Ana Cristina Santos

Com Agência Câmara