PCdoB defende Jandira e aponta tentativa de criminalizar esquerda

PCdoB defende Jandira e aponta tentativa de criminalizar esquerda

O PCdoB classificou, nesta quinta (16) como “infundado” e “mentiroso” trecho da delação do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, que relaciona o nome da deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) a doações ilegais de campanha eleitoral. O partido afirma que todos os recursos foram recebidos de forma legal, registrada e aprovada pela Justiça Eleitoral. Para o PCdoB, está em curso uma tentativa de “criminalização generalizada da atividade política”, tendo como alvo a esquerda.

Confira  a nota emitida pela Comissão Política Nacional do PCdoB, que se reuniu nesta quinta (16), em São Paulo.

Em defesa de Jandira Feghali

O PCdoB repudia e qualifica como infundado e mentiroso o trecho da delação premiada do senhor Sérgio Machado que relaciona o nome da deputada federal Jandira Feghali a doações ilícitas de campanha eleitoral.

Conforme prontamente Jandira repeliu tal calúnia, todas as doações recebidas em suas campanhas eleitorais foram legais, registradas e aprovadas pela Justiça Eleitoral.

Há uma evidente manobra para tentar igualar doações recebidas rigorosamente nos marcos das leis até então vigentes com esquemas de corrupção que foram e são combatidos pelo PCdoB. O Partido, Jandira e seus demais parlamentares sempre se opuseram ao financiamento empresarial de campanha e reiteradas vezes votaram e batalharam para proibi-la.

O PCdoB denuncia que está em curso, com permanente afronta ao Estado Democrático de Direito, uma tentativa de criminalização generalizada da atividade política no país, tendo como alvo preferencial, é claro, a esquerda, as lideranças que estão à frente da jornada democrática contra o golpe em curso no país. E Jandira é um dos símbolos dessa jornada.

O PCdoB repudia esse ataque calunioso à Jandira, e reafirma seu orgulho de tê-la entre o elenco de suas lideranças. Jandira, que tem recebido apoio e solidariedade do povo e de lideranças progressistas, seguirá desempenhando destacado papel na jornada em defesa da democracia e despertando esperanças de mudança e transformações na cidade do Rio de Janeiro.

São Paulo, 16 de junho de 2016

Comissão Política Nacional do Partido Comunista do Brasil

Foto: Richard Silva/PCdoB na Câmara