Seminário do PCdoB analisa conjuntura e desafios para 2015

Seminário do PCdoB analisa conjuntura e desafios para 2015

 

“As eleições de 2014 e a consciência social brasileira” esse será o tema do III Seminário Nacional dos Estudos Avançados que será realizado nos dias 30 e 31 de janeiro e 01 de fevereiro de 2015. A atividade é uma iniciativa da Escola Nacional João Amazonas do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) e tem como objetivo reforçar o trabalho de formação continuada dos intelectuais da Escola Nacional, dirigentes do Comitê Central do Partido e demais quadros dirigentes.

 

Em entrevista à Rádio Vermelho, o secretário executivo da Escola, Altair Freitas, afirmou que o objetivo é expor a complexidade dos posicionamentos políticos em voga e os impactos desses no embate político. “O objetivo central para essa abordagem é aprofundarmos coletivamente a compreensão sobre como o povo brasileiro tem se pocisionado diante da intensa e radicalizada disputa sobre os rumos do Brasil desde o primeiro governo Lula e até o processo que conduziu à reeleição da presidenta Dilma neste ano”.

Freitas ainda indica que o Seminário é voltado especificamente para professores (as) da nossa Escola, membros do Comitê Central do PCdoB e dirigentes estaduais que já tenham participado do Curso Nível III, essa etapa do estudo dos comunistas tem caráter de formação continuada e contribui para o reforço teórico, político e ideológico dos principais quadros dirigentes do Partido.

Abaixo, a programação a ser desenvolvida durante o III Seminário.

Dia 30 de janeiro – 19 horas

Conferência de Abertura: Significado e alcance da quarta vitória do povo brasileiro e desafios dos movimentos sociais e do PCdoB na luta pelo Novo Projeto Nacional de Desenvolvimento Conferencista: Renato Rabelo – Presidente Nacional do PCdoB

Dia 31 de janeiro (Sábado)

9 horas – 1ª mesa: As bases sociais do atraso e das mudanças.

1. A burguesia e as camadas médias urbanas: nova classe média ou ampliação das classes trabalhadoras? – Waldir Quadros – Economista, professor da UNICAMP

2. A quem interessa o neo-desenvolvimentismo? Qual a base social (de classe) do novo projeto nacional de desenvolvimento? – Olival freire Jr. – Doutor em Física e professor da Universidade Federal da Bahia
14 horas – 2ª mesa: A Mídia, Redes e Movimentos Sociais: mitos e realidade.

1. Limites da manipulação midiática e estratégias da democratização da comunicação – Altamiro Borges – Jornalista, Secretário Nacional para assuntos de mídia do Comitê Central do PCdoB

2. Movimentos sociais entre a tradição e a renovação: a luta nas redes sociais e nas ruas e o significado de junho de 2013 – Sérgio Amadeu – Doutor em ciência política e professor da Universidade Federal do ABC

3. A contradição subjetividade-objetividade e a relação indivíduo-sociedade na comunicação e na luta de ideias – Madalena Guasco Peixoto – Doutora em Educação, professora da PUC/SP

Dia 01 de fevereiro (Domingo)

9 horas Conferência de Encerramento: Consciência social e ação política e ideológica – Conferencista: Dermeval Saviani – Doutor em filosofia da educação e professor da UNICAMP

 

Fonte: Joanne Mota, da Rádio Vermelho.