Comissão debate papel da mídia alternativa com Fora do Eixo e Mídia Ninja

Comissão debate papel da mídia alternativa com Fora do Eixo e Mídia Ninja

 

Nesta terça-feira (17), a Comissão de Cultura realizará uma audiência pública com integrantes do coletivo Fora do Eixo, da Mídia Ninja (acrônimo de Narrativas Independentes, Jornalismo e Ação) e da academia para debater o papel da mídia alternativa no País e o modelo criado pelo coletivo para disseminação de informação.
A reunião ocorrerá às 14h30, no Plenário 10, da Câmara dos Deputados. Participarão da audiência pública Pablo Capilé, pelo coletivo Fora do Eixo, o jornalista Bruno Torturra, da Mídia Ninja e a professora e pesquisadora Ivana Bentes, da Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro.
A Mídia Ninja ganhou destaque nacional a partir da cobertura das manifestações de junho, quando inúmeros colaboradores espalhados pelo País mostraram uma nova forma de cobertura jornalística, menos preocupada com a qualidade das imagens e com o aparato das grandes emissoras e mais focada no conteúdo a ser transmitido. Com celulares, notebooks, acesso à internet e muitos colaboradores cobriram ininterruptamente os anseios da população, os excessos da polícia e dos próprios manifestantes nos protestos de rua. Desde então, muita discussão sobre o modelo de atuação dos ninjas tem ocorrido.  
Para dar espaço e voz a esses grupos, os deputados Nilmário Miranda (PT/MG), vice-presidente da Comissão de Cultura, e Jandira Feghali (PCdoB/RJ), presidente da Comissão, apresentaram um requerimento para a realização da audiência pública com os representantes do Fora do Eixo e da Mídia Ninja. O requerimento foi amplamente debatido pelos parlamentares, que aprovaram o debate com a inclusão de um membro da academia.
 
De Brasília;
Com informações da CCult