Frente Popular de Pernambuco confirma chapa majoritária com Paulo e Luciana

Frente Popular de Pernambuco confirma chapa majoritária com Paulo e Luciana

Fotos: Andrea Rego Barros e Helia Scheppa (PSB)

Neste domingo (5), o Clube Internacional do Recife foi palco de uma grande festa da democracia e da unidade, durante a convenção da Frente Popular de Pernambuco, que oficializou a candidatura do governador Paulo Câmara (PSB) à reeleição, tendo a deputada federal e presidenta do PCdoB, Luciana Santos, como candidata a vice-governadora. A chapa majoritária conta ainda com o deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB) e o senador Humberto Costa (PT), como candidatos a senadores.

Em um ambiente de muito frevo, forró e palavras de ordem os candidatos saudaram o público presente. Renildo Calheiros, candidato a deputado federal pelo PCdoB, falou em nome do partido estadual. “Olho para essa chapa que se forma e me lembro de quantas jornadas tivemos aqui em Pernambuco contra a ditadura militar, pela democracia e pela liberdade. Hoje mais do que nunca é necessário nós unirmos os homens e as mulheres de bem para enfrentarmos os desafios do desgoverno de Michel Temer e derrotar a chapa de Temer no estado”, disse.

A importância de derrotar o programa ultraliberal de Temer e daqueles que representam a continuidade do seu governo foi lembrada em várias intervenções. O senador Humberto Costa foi um deles. O público recebeu o petista ao som de “Vai avançar, vai avançar, a unidade popular”. Durante sua fala, várias vezes, o público interrompeu em coro: Lula livre!

A deputada Luciana Santos foi recebida pelo público com o carinho costumeiro e com o reconhecimento pelo seu esforço em construir a unidade no campo da esquerda, não só em nível estadual, como também em âmbito nacional. Ela se disse honrada em assumir a vaga de candidata a vice-governadora e evocou a memória de mulheres ícones na história de Pernambuco, a exemplo das Mulheres de Tejucupapo, Adalgisa Cavalcanti, primeira deputada do estado; e de Júlia Santiago, primeira vereadora do Recife, ambas ligadas ao PC do Brasil.

Luciana também lembrou Miguel Arraes e a tradição de construção de Frente Popular, buscando unir diferentes forças políticas em torno do bem comum e de um projeto político avançado e capaz de estabelecer novos marcos de desenvolvimento para o estado. “O povo pernambucano é um povo altivo, libertário, que ama seu estado e que por isso está preocupado em enfrentar uma crise econômica, social e política no Brasil. É por isso que a gente se une, a gente se une para superar os desafios e fazer valer os preceitos de um Pernambuco próspero, forte e inclusivo”.

Em sua fala a presidente do PCdoB citou, ainda, a aliança entre o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva e o ex-governador Eduardo Campos (in memorian) e como essa união garantiu a mudança da matriz econômica do estado e um capítulo a parte na história do enfrentamento à desigualdade regional no país. Por fim, Luciana citou o impacto da crise e os efeitos do desgoverno de Temer nos estados e elogiou a condução de Paulo Câmara diante desse processo, sobretudo em relação à transferência da Hemobras, às questões da Refinaria Abreu e Lima e à privatização da CHESF. “[Governador] Você está aqui de maneira altiva, de cabeça erguida, dizendo ao povo de Pernambuco que você liderou a maior resistência ao desmonte do Estado brasileiro no estado de Pernambuco”.

Câmara, por sua vez, enfatizou os feitos do Governo nas áreas de educação, saúde e segurança pública. “Temos a maior rede de escolas públicas em tempo integral do país. Na saúde, nunca foram feitas tantas consultas como agora e estamos no oitavo mês de redução dos homicídios no estado. Vamos continuar fazendo esse trabalho”, disse.

Até o momento a Frente Popular é composta por 12 partidos: PSB, PCdoB, PT, MDB, PP, SD, PPL, PMN, PSD, PR, Patriota e PRP

PCdoB de Pernambuco também realizou convenção neste domingo

A convenção eleitoral do PCdoB pernambucano aconteceu pouco antes do encontro da Frente Popular de Pernambuco, na sede estadual do partido, no Recife. Além da indicação de Luciana Santos para candidata a vice-governadora de Paulo Câmara, os comunistas referendaram 73 candidaturas para a disputa por vagas na Assembleia Legislativa, entre elas a do ex-deputado João Paulo Lima. Para a disputa como deputado federal foi homologada a candidatura do ex-deputado e ex-prefeito de Olinda Renildo Calheiros.

Do Recife;

Ana Cristina Santos