Luciana conversa com pernambucanos do Parlamento Jovem 2013

Luciana conversa com pernambucanos do Parlamento Jovem 2013
thumbnail_1380213272.jpg

thumbnail_1380213272.jpg

Além de apresentar um pouco das atividades do seu mandato, Luciana ouviu os jovens estudantes sobre suas expectativas e opiniões acerca da experiência de ser um deputado por alguns dias.

resize_1380213272.jpg

Na noite desta quarta-feira (25), a deputada Luciana Santos teve uma reunião de bancada um pouco diferente. Ela conheceu os quatro jovens parlamentares pernambucanos que participam da edição do Parlamento Jovem 2013. A conversa aconteceu no restaurante do Anexo III da Câmara dos Deputados num intervalo em comum entre as apertadas agendas.
 
Além de apresentar um pouco das atividades do seu mandato, Luciana ouviu os jovens estudantes sobre suas expectativas e opiniões acerca da experiência de ser um deputado por alguns dias. Eles também explicaram sobre os projetos que apresentaram e que estão tramitando nesta edição do programa. 

A primeira semelhança foi encontrada na falta de tempo. Os estudantes disseram que não conseguiram, nem mesmo, conhecer os pontos turísticos da cidade. A deputada concordou com eles e disse que o mesmo acontece consigo e que às vezes fica quase impossível resistir ao cansaço. 

“Este é um excelente programa e acho muito válido possibilitar que os estudantes possam vir aqui e vivenciar um pouco da rotina de um deputado e todas as responsabilidades que um mandato demanda. Gostei muito de conversar com a bancada pernambucana do parlamento jovem e espero que eles possam seguir na política, contribuindo para o crescimento do nosso estado e para o desenvolvimento do país“, disse Luciana. 

Veja as fotos do encontro na nossa página no Facebook. 

O programa Parlamento Jovem é uma iniciativa da Câmara dos Deputados e dá a oportunidade para que jovens cidadãos brasileiros possam conhecer e experimentar, durante cinco dias, a jornada de trabalho dos deputados federais.
 

O Parlamento Jovem Brasileiro é realizado anualmente, reúne estudantes de todos os estados e possibilita aos alunos de escolas públicas e particulares a vivência do processo democrático, mediante participação em uma jornada parlamentar na Câmara dos Deputados, em que os estudantes tomam posse e atuam como Deputados Jovens.
 
Os representantes de Pernambuco são os estudantes Abigail de Souza, da Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Santa Ana, de Olinda; Barnabé Lucas Neto, da EREM de Garanhuns; João Alexandre da Silva Neto, da Escola Técnica Estadual (ETE) Maria José Vasconcelos, de Bezerros; e Maria Eduarda de Lima Silva, da EREM Professor Antônio Farias, de Gravatá.
 
Foram selecionados 78 estudantes de todos os estados da federação. Eles foram escolhidos de um total de 1.631 projetos de lei encaminhados por jovens de todo o país. O Amazonas foi o estado com maior número de inscritos no programa, com 300 estudantes. Em segundo lugar ficou São Paulo, com 212 alunos, seguido de Rondônia, com 168, Pernambuco, com 144, e Rio de Janeiro, com 115 inscritos. Dos 78 estudantes, 58 (74,4%) vieram de escolas públicas.
 
Durante o processo de seleção os estudantes fazem projetos de lei. Conheça os projetos de lei dos jovens parlamentares pernambucanos:
 
Abigail de Souza – Dispõe sobre a implantação da robótica educacional nas escolas a partir do Ensino Fundamental I. O objetivo é proporcionar um recurso pedagógico sobre o qual os alunos ampliem seu entendimento das tecnologias e suas aplicações nas práticas sociais reais. Incentivando o aprendizado, de forma criativa, com a utilização de materiais de sucata e kits educacionais, sempre em contato com conteúdos de investigação, observação, pesquisa e resolução de problemas.
 
Barnabé Lucas Neto – Dispõe sobre a criação do programa: “Literatura Nossa“ que visa à distribuição de livros literários brasileiros, com a finalidade de difundir a literatura de caráter nacional assim como ampliar o hábito de leitura entre estudantes do Ensino Médio regular das escolas de rede pública.
 
João Alexandre da Silva Neto – Dispõe sobre a criação do programa “Uma ideia, uma vida“ que dá suporte para que o jovem através do empreendedorismo gere emprego, a fim de erradicar a pobreza em nosso país.
 
Maria Eduarda de Lima Silva – Altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDBN nº 9.394 de 22 de dezembro de 1996 no seu artigo 11, Inciso V.
 
De Brasília;
Ana Cristina Santos