Parabeniza a FACHO pelos 40 anos

Parabeniza a FACHO pelos 40 anos

Senhor Presidente; 

 
Neste ano uma importante Instituição de Olinda completa 40 anos. Me refiro à Faculdade de Ciências Humanas de Olinda – FACHO, que presta relevante serviço ao estado de Pernambuco e contribui fortemente para a ampliar o acesso ao ensino superior não só aos olindenses, mas aos pernambucanos. 
 
Parabenizar a todos os que fazem a FACHO na pessoa do diretor Adailson Medeiros e dar como lido seu artigo, publicado no Jornal do Commercio desta terça-feira, 24/09.  
 
Obrigada. 
 
FACHO 40 anos
 
Neste ano de 2013, a Faculdade de Ciências Humanas de Olinda, de feliz e luminosa sigla, FACHO, completa 40 anos de funcionamento. Sua origem remonta ao início dos anos 70, quando as religiosas beneditinas Letícia Torreão e Lúcida Schmieder, incentivadas pelo político olindense Barreto Guimarães,resolvem fundar uma instituição de ensino superior em Olinda. Um dos objetivos do grupo foi o de dar continuidade à formação superior de jovens, dentro de parâmetros humanísticos e cristãos, pois que essa proposta já era posta em prática, em nível médio, pela hoje centenária Academia Santa Gertrudes (1912) no Alto da Sé e pelo Colégio Imaculado Coração de Maria (1955) em Bairro Novo, ambos pertencentes à Associação Instrutora Missionária, mantenedora dirigida pelas religiosas beneditinas.
 
Em data de 16 de janeiro de 1973, por Decreto Presidencial, era fundada a Faculdade de Ciências Humanas de Olinda. Esta, nascida da mesma mantenedora das Irmãs Beneditinas Missionárias de Tutzing (Alemanha), funcionou durante anos nas mesmas instalações físicas da Academia Santa Gertrudes, migrando depois (1991) para sua própria sede na hoje Rodovia PE-15, em Ouro Preto, Olinda.
Ao longo dessas quatro décadas a Faculdade tem perseguido os mesmos objetivos de formação integral, até em decorrência de ser uma instituição confessional, tendo como missão formal e explícita “colaborar na construção de uma sociedade onde os valores humanos e evangélicos se integrem à formação técnica e científica, uma sociedade que valorize o homem como pessoa dotada de potencialidades, mas que necessita de oportunidades e estímulos para desenvolvê-las”.
 
Atualmente, a FACHO oferece cursos de graduação em Administração, Ciências Contábeis, Enfermagem, Letras, Pedagogia e Psicologia – vários detentores de conceito quatro no MEC – e cursos de pós-graduação lato sensu nessas áreas. O ensino, a pesquisa e a extensão são dimensões integradas e valorizadas pela instituição, além de uma opção por atividades acadêmicas onde se realce a inclusão e responsabilidade social como, por exemplo, o acolhimento pioneiro de pessoas portadoras de deficiência auditiva nos cursos regulares de graduação de Pedagogia, cursos de alfabetização de adultos abertos à comunidade do entorno da Faculdade, manutenção de grupo de terceira idade, atendimento e orientação psicológica em serviços prestados pela Clínica-Escola de Psicologia, ambulatórios de enfermagem para acompanhamento de gestantes e de recém-nascidos, em fase de implantação, entre outras.
 
A seriedade da proposta pedagógica beneditina e a constante busca pela qualidade ao longo de seus 40 anos são marcas reconhecidas não somente pelos usuários e colaboradores diversos, como também enaltecidas em diferentes fóruns como, por exemplo, na Câmara Municipal de Olinda, por iniciativa do vereador Marcelo Santa Cruz, e na Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco, em seu Grande Expediente Especial, por iniciativa da deputada estadual Tereza Leitão. É gratificante constatar que, tanto quanto 40 anos de vida, a FACHO tem vida em seus 40 anos!

Adailson Medeiros, psicólogo, é diretor geral da Faculdade de Ciências Humanas de Olinda – Facho. Artigo publicado no caderno Opinião do Jornal do Commercio em 24/09/2013.